Início do Plano de Formação das Tecnologias de Aplicações Móveis (2016) organizado pela Direcção dos Serviços de Regulação de Telecomunicações

Nota de Imprensa

No dia 3 de Setembro, na Direcção dos Serviços de Regulação de Telecomunicações (DSRT), foi dado início ao Plano de Formação das Tecnologias de Aplicações Móveis (2016) organizado pela DSRT, em colaboração com o Centro de Produtividade e Transferência de Tecnologia de Macau (CPTTM), a Companhia de Telecomunicações de Macau, S.A.R.L., a Hutchison – Telefone (Macau), Limitada, a China Telecom (Macau) Limitada e a Smartone – Comunicações Móveis, S.A.. Esse plano de formação acolhe 25 formandos, tendo uma duração de três meses. As aulas realizam-se no Cyber - Lab do CPTTM, aos sábados, durante o período compreendido entre Setembro e Dezembro.

No dia do início do plano de formação, o Director da DSRT, substituto, Leong San Io Francisco, proferiu o seu discurso e apresentou o objectivo do plano aos formandos. Em seguida, os representantes dos operadores de telecomunicações móveis fizeram apresentações sobre a tendência do desenvolvimento do mercado das aplicações móveis, o serviço de telecomunicações móveis e a sua aplicação, as técnicas de redes móveis, entre outros.

Na sequência do rápido desenvolvimento e utilização popular das técnicas e equipamentos de comunicações móveis, e do aumento significativo das necessidades individuais e empresariais no âmbito das aplicações móveis, o mercado das aplicações móveis pode desenvolver-se vigorosamente, oferecendo aos exploradores deste mercado mais oportunidades e espaço para a inovação. Com o objectivo de formar talentos locais na área de exploração de aplicações móveis, a DSRT continua a realizar, em 2016, o Plano de Formação das Tecnologias de Aplicações Móveis, esperando que, através desse plano, os formandos possam conhecer a tendência do desenvolvimento do mercado das aplicações móveis e sejam ajudados na elaboração de diversas aplicações móveis com ideias inovadoras através das técnicas inovadoras e com recursos razoáveis, de forma a elevar a sua capacidade técnica profissional.

No plano de formação do corrente ano, ensinar-se-á como aproveitar o conjunto de React da técnica de código aberto (Open Source) para explorar aplicações móveis em múltiplas plataformas e aplicações móveis nativas, apresentando-se o serviço de computação em nuvem que pode ser aproveitado para a exploração do back-end, conforme a evolução e inovação constantes das técnicas, esperando-se que, mediante as explicações profissionais do formador, exemplos de programação e práticas nas aulas, seja elevado o grau de conhecimento dos formandos sobre as respectivas técnicas, permitindo que os formandos possam aplicar, após conclusão das aulas, os conhecimentos adquiridos, de modo a fomentar o desenvolvimento do sector em causa.