DSRT Banner

Implementação gradual do aperfeiçoamento do serviço de transmissão televisiva (Portuguese Version)

Nota de Imprensa

Tem sido efectuada, oficialmente desde 22 de Abril, a transmissão dos sinais dos canais de televisão básicos, através da cooperação entre a Canais de Televisão Básicos de Macau, S.A e os existentes fornecedores do serviço de antena comum (anteneiros) que têm prestado aos residentes, mediante as redes originais dos anteneiros, o serviço de assistência na recepção de canais de televisão básicos, cujo funcionamento tem sido geralmente normal desde a sua implementação. Sendo assim, a Direcção dos Serviços de Regulação de Telecomunicações (DSRT) já começou a preparar os trabalhos da próxima fase, como por exemplo, a dispensa de autorização governamental dos receptores privativos de televisão por satélite, e a instalação de novos pontos de acesso em prédios recém-construídos. Ao mesmo tempo, a DSRT está também a planear aproveitar duas zonas para servirem de pontos pilotos da melhoria de cabos aéreos em vias públicas, desejando rectificar, sistematicamente, o estado de confusão dos cabos aéreos em vias públicas por longos anos em Macau.

No instituto de encorajar os residentes a introduzir os modos diversificados de recepção dos canais televisivos, estão dispensados da autorização governamental mais tipos de equipamentos de radiocomunicações de reduzida potência e pequeno alcance. No novo despacho, estão dispensadas da autorização governamental as estações terrenas destinadas à recepção privativa de programas de televisão (ou seja, receptores de televisão por satélite), permitindo assim aos residentes uma utilização mais conveniente de equipamentos de radiocomunicações.

Instalam-se mais novos pontos de acesso em prédios recém-construídos e transmitem-se, através das redes de operadores de rede fixa, os sinais dos canais de televisão básicos, que se diferencia da antiga forma de aproveitar os cabos aéreos em vias públicas para prestar os sinais de canais televisivos, a fim de evitar a agravação da situação de cabos aéreos em vias públicas. A Canais de Televisão Básicos de Macau, S.A acabou de instalar novos pontos de acesso num complexo habitacional recém-construído na Ilha Verde. A DSRT vai prestar muita atenção aos prédios a concluir neste ano, no sentido de instalar, o mais cedo possível, novos pontos de acesso nos mesmos, garantindo que não se influencie a recepção de canais de televisão básicos pelos residentes.

A fim de rectificar, sistematicamente, os cabos aéreos em vias públicas de Macau, recentemente, a DSRT, a Canais de Televisão Básicos de Macau, S.A, os respectivos anteneiros e os operadores de rede fixa escolheram e visitaram as vias e os prédios adequados para criar os pontos pilotos da melhoria de cabos. Actualmente, a equipa de engenharia está a proceder, preliminarmente, aos trabalhos pilotos relativos ao aperfeiçoamento de cabos no Largo da Sé (Pátio da Sé) e na Rua de Abreu Nunes. As obras visam a colocar mais novos pontos de acesso nessas zonas e a transmitir os sinais dos canais de televisão básicos mediante as redes dos operadores de rede fixa, removendo ainda os antigos cabos aéreos em vias públicas. Após as obras, melhorar-se-á o estado de confusão de cabos aéreos em vias públicas nestas zonas. A DSRT avaliará, de acordo com as experiências adquiridas nos presentes trabalhos pilotos, a quantidade de trabalhos e os recursos em questão, no sentido de elaborar um planeamento para os programas posteriores.

A DSRT vai discutir, com os operadores de rede fixa, como implementar, inteiramente, a sua obrigação decorrente da Licença no âmbito da transmissão dos sinais televisivos, de forma gratuita, tomando referências do relatório final do Estudo sobre os Serviços Televisivos a concluir pela Universidade de Macau em Setembro, com vista a elaborar um plano de desenvolvimento a longo prazo referente aos futuros serviços de transmissão televisiva.